domingo, 4 de setembro de 2011

Cerca de 94% das mulheres se veem gordas no espelho, diz estudo

 

espelho peso Apenas uma em cada 17 mulheres com peso saudável realmente se considera magra, segundo nova pesquisa feita pela empresa especializada em emagrecimento Slimming World. A informação foi publicada no site do jornal britânico "The Telegraph" na segunda-feira (3).

Na frente do marido e dos amigos, a mulher parece feliz, esbelta e confiante, em seu jeans tamanho 40. Mas quando se olha no espelho, enxerga uma imagem distorcida.

O estudo com 2.257 pessoas oferece uma visão perturbadora da autoestima feminina. As voluntárias foram convidadas a olhar para si no espelho e escolher a partir de 12 adjetivos para descrever como se sentiam, ou como achavam que pareciam. As participantes também foram medidas para determinar se estavam com sobrepeso ou peso saudável.

Entre as mulheres que tinham peso ideal para sua altura, apenas 13% disseram que se sentiam felizes quando viam seu reflexo e somente 6% pensavam que eram magras.

HUMILHADAS

Com idade entre 45 e 54, o arquétipo da mulher com sobrepeso é uma pessoa casada por 20 anos, que usa manequim tamanho 44 e se sente humilhada todos os dias, de acordo com o estudo.

Das 2.257 pessoas analisadas, 1.467 foram consideradas acima do peso. O estudo levantou que as pessoas gordas lutavam contra suas emoções em pelo menos cinco situações do cotidiano, como se olhar no espelho, em feriados, revendo velhos amigos, provando roupas em uma loja e escolhendo um traje para sair à noite.

Segundo o porta-voz da empresa, "as mulheres enfrentam uma batalha constante contra suas emoções, como dietas fracassadas e um desejo desesperado de perder peso, o que causa uma crise de confiança e transforma uma série de situações cotidianas em fontes de humilhação, constrangimento e medo".

Como duas em cada três pessoas no Reino Unido estão com sobrepeso ou obesidade, de acordo com a Slimming World, "a maioria da população está presa neste ciclo emocional".

A pesquisa descobriu que os homens tiveram mais respostas positivas, como "felizes" e "animados" em situações cotidianas, mas ainda usaram a palavra "gordo" para expressar como se sentiam em duas das cinco circunstâncias.

Em contrapartida, 790 pessoas de peso saudável que participaram da pesquisa relataram respostas positivas em todas as situações.

 

Fonte: http://www1.folha.uol.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...